Carla

Elídio Aleixo
Junho 20, 2017
Manuela da Silva e Edite Domingos
Junho 20, 2017
Voltar

Carla

“A todos os funcionários das Residências Montepio (toda a equipa, sublinho), incluindo as recepcionistas Anabela e Ana Luísa,

A minha mãe uma vez disse-me ao telemóvel (logo de manhã, quando eu lhe ligava), a propósito da simpatia do “Montepio”, “É bom estar aqui, todos são atenciosos, delicados e bons profissionais, sente-se isso tudo”. Ou seja, ela sentia-se bem, a caminhada (não tem nada a ver com as condições das instalações). O que era importante para ela era a forma como ela era tratada, e as outras utentes, ela apercebia-se de tudo. E foi bem tratada aí, sentiu-se até feliz.
Festejou aí, a 15 de Outubro, os 67 anos, numa festa memorável (para ela e para todos nós)!
No dia 25 do mesmo mês, após ter tomado a vacina da gripe, seguindo os conselhos médicos, começou a sentir sintomas de uma, mas na situação em que ela se encontrava, foi ficando cada vez pior até ser enviada para os AVC, já com sintomas de pneumonia, no dia 28. Cremos que tal aconteceria na mesma, com vacina ou sem vacina, dadas as dificuldades respiratórias que já se vinham a manifestar.
Depois de chegar até perto dela, nos AVC, não pude entrar na Sala de Emergência, falei com ela com os olhos. Horas depois, disse-lhe essas palavras, ela já estava inconsciente. O médico disse-me que, por falta de camas, ela iria ficar no internamento das Urgências nessa noite, e que no dia seguinte já estaria melhor.
Já com o meu pai, a entrada para a visita começou a demorar, só às 20h nos deixaram entrar, e o médico veio falar connosco.
Ela havia falecido, num suspiro, e a reanimação foi em vão. Não quis acreditar, ainda a tentei acordar, mas nada…
Com os meus agradecimentos, dela e de toda a nossa família e amigos, um Feliz Natal para todos vós,

Carla

Contacte-nos
close slider